terça-feira, 24 de abril de 2012

Rádio UNESP Virtual: Da teoria à prática

Um dos maiores projetos de extensão da UNESP Bauru permite, desde 2004, que alunos e professores exerçam a experiência de fazer rádio.
Por Adriana Kimura e Isabela Romitelli.

A transmissão de rádio via internet foi uma das alternativas encontradas pelo meio radiofônico para acompanhar a movimentação dos demais veículos de informação diante do advento da internet. A nova maneira de transmitir se popularizou devido à facilidade e ao menor custo para se manter uma emissora nesse meio.




Visite: Site da Rádio UNESP Virtual
Veja mais: Entrevista com o Prof. Dr. Antonio Francisco Magnoni


Para preparar os futuros profissionais da área, a Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação (FAAC) da UNESP, campus de Bauru, criou um projeto de extensão vinculado à produção radiofônica. O projeto conta com a colaboração de alunos e professores dos cursos de Jornalismo e Rádio e TV e oferece-lhes a oportunidade de experimentar, na prática, a execução da locução, da editoração e da reportagem destinada ao meio radiofônico.

Segundo alunos participantes da Rádio UNESP Virtual (RUV), apesar de o projeto ser voltado para interesses da cidade, a emissora atinge poucos ouvintes e , portanto, não exerce grande influência na região. Uma das dificuldades apontadas pelos colaboradores é a falta de infraestrutura, já que o servidor da RUV não suporta muitos ouvintes. Por outro lado, todos os editores entrevistados destacam a importância do Projeto que, muitas vezes, desempenha o papel da primeira experiência jornalística para os alunos.

Os estudantes envolvidos com a RUV devem acompanhar as gravações, mediar contato com o alto escalão da rádio, acompanhar o processo de formulação dos roteiros, administrar os repórteres e atuar como seu principal auxílio no que concerne à concretização da matéria.

A experiência de participar do projeto colabora também para o currículo dos universitários. João Victor de Oliveira - editor de esportes da RUV e aluno do segundo ano de Jornalismo - destaca, ainda, o aspecto da satisfação pessoal em participar do projeto de extensão: “Entrar na rádio, para mim, foi a melhor forma de aprender a trabalhar com o meio radiofônico.

Além disso, existe também o fato de que trabalhar na rádio é algo gratificante. O prazer de ver seu programa indo ao ar, mesmo que para poucos ouvintes, é muito grande.” Um dos aspectos positivos da Rádio UNESP é que a grande variedade da programação atende aos mais diversos interesses e preferências dos colaboradores e ouvintes.

Revista Ponto e Vírgula, Arquibancada, Comando Login, Roda Sertaneja e Estilo Claquete são alguns dos programas transmitidos pela Rádio; de futebol a tecnologia, de música sertaneja a cinema e moda. Entre erros e acertos, a Rádio UNESP Virtual se mostra um projeto antes de tudo feito com muita dedicação por aqueles que a realizam. Mais que um laboratório é uma chance única para os graduandos colocarem na prática parte daquilo que aprenderam na sala de aula. Fica a torcida para que a RUV extrapole a relevância na universidade e possa vir a ser valioso para toda Bauru.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...